quarta-feira, 18 de maio de 2011

parte II



ouço alguém gritar o meu nome, certamente para me chamarem.
-Mariana!!!
nem sequer olho para trás, fingindo que não sou eu. caminho devagar de volta a minha casa fazendo alguns desvios (porque não sou muito de amigos e se alguém me chamou, esse alguém é-me próximo), por isso o caminho para minha casa era muito óbvio, acho eu ?!
acabo por esqueçer isso enquanto ando, o vento fez-me bem (faz bem a qualquer pessoa, quase decerteza), só penso em estar sozinha.
(...)
meto a chave na fechadura e exito por uns momentos, nem eu sei o porque de o fazer. nem sequer necessito de abrir a porta que me prendia outra vez no meu mundo, porque alguém o fez por mim como se tivesse pressentido a minha chegada.
ainda me enchi de esperanças (sabendo que era impossivél ser ele), era apenas a minha mãe.
- Onde andas-te princesa?
- Mãe só quero e preciso de estar sozinha, por favor, podes deixar-me em paz?
- Mas Mariana, eu preciso que fales comigo - diz num tom de voz a decrescer - e tu também o precisas, eu sei isso, tu sabes que eu o sei !
- Tu sabes o quê? TU NÃO SABES NADA MÃE, NADA ! - subo as escadas à velocidade da luz e grito - não contes comigo para jantar !!! - bato a porta com a força toda que tenho, para ela entender a mensagem.
salto para a cama, agarro-me à travesseira «ainda tem o teu cheiro meu pequenino» e paro, respiro devagar e profundamente.
lá embaixo consigo ainda ouvir a Bárbara (minha irmã mais nova) ir ter com a minha mãe.
- Mamã, tenho fome ! - disse isto com a sua voz de princesa, com a qual eu fico sempre derretida.
- Anda rãzinha, vamos encher essa barrigona.
eu não pude ver o que aconteçeu, mas tenho acerteza que a minha mãe pegou na Bárbara ao colo (como faz sempre), sim porque aquela miúda faz bem a toda a gente.
"se não fosse por ela...", e o sono leva-me sem pedir permissão.


 (continua)
p.s: publico à próxima parte dia 23 deste mês (:

24 comentários:

Anónimo disse...

gostei muito

ansioso pela proxima parte

amo-te <3

Gonçalo disse...

muito muito bonito li 2 vezes seguidas xD

inês disse...

adorei, e claro, quero a próxima parte. :)

Gonçalo disse...

utilizo mais o conscienciasimplificada porque?

carina lopes disse...

sim acredita é mesmo algo dificil , mas conseguimos :)
adoro *

Hapi disse...

Oh muito muito obrigada minha querida! :)

Andreia Queirós disse...

adorei amor , tens de continuar (:

cath* disse...

ainda bem que continuaste meu amor, e espero que o faças de novo, estou a adorar seguir a história e já estou SUPER curiosa! (:
obrigada por toda a força inexplicável que me tens dado, estou aqui para ti, sabes bem!
AMO-TE, SEMPRE!

fatuxa♥ disse...

gostei do teu blog
sigo

Martinha disse...

está lindo princesa, continua que eu quero ler até ao fim !
amo-te <3

Carla disse...

este teu texto sim, ta mesmo lindo! *-*

Catarina disse...

Gostei bastante :D
Dia 23 espero ler a próxima parte :D

sofia disse...

acredita que vale a pena ir assistir a um concerto dela, ela é fantástica *-*
http://www.youtube.com/watch?v=jLthcsdkiUQ&feature=mfu_in_order&list=UL

ritag. disse...

gostei muito (:
obrigada, minha querida *

Gonçalo disse...

obrigada querida :)

Martinha disse...

a minha deixa-nos felizes, e a tua deixa-nos felizes também princesa :$
amo-te !

Paula disse...

Ameiii :D

sigooo *-*

carina lopes disse...

estao todas muito simples :)

Hapi disse...

É bom saber que alguém se revê, por outro lado é mau porque nem sempre são sentimentos bons. Por isso, força nessas saudades, bem sei que é precisa!
E muito obrigada! De coração <3

cath* disse...

adoro que me compreendas tão bem, princesa! e, como deves ter reparado, quando me refiro à "P", refiro-me a ti, claro está. (:
TE AMO MUITOOOOOOOOOOOOOOOO, obrigada por existires. <3

Catarina disse...

Fotografia é algo fantástico, mesmo (:

carina lopes disse...

ela deixou nem acredito *.*

Hapi disse...

Oh muito muito obrigada minha querida <3

carina lopes disse...

es mesmo querida *.*
ai acredita vai ser mesmo